quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

Quase lá



À medida que se aproxima a altura, começo a ter receios. Para começar, um normalíssimo e saudável medo da "hora H". É compreensível... Por muito que digam que "entrou, vai ter que sair", convenhamos: entrou mais pequenino, vai sair muito grande. E por muito pequenino que seja, parece sempre um bocado cabeçudo. Pelo menos para quem está deitada.

Ao mesmo tempo, sinto ansiedade. Estou ansiosa para ver a carinha. A barriga está muito descaída, já muitos me disseram que não vai chegar ao fim, e a ansiedade começa a instalar-se.

É uma aventura... e já lá vão quase oito meses desde que a iniciei. Parece que foi ontem. Os ponteiros do relógio não param, imensuráveis.

Está quase.

2 comentários:

Ana Rita disse...

Que tenhas uma hora bem pequenina! E, na medida do possível (considerando as dores (que desconheço) e sei lá mais o quê) que usufruas da alegria de trazer um rebento ao mundo!
Beijinho :)

Katy disse...

Obrigado, Ana! Beijinhos e bom ano!

Enviar um comentário